Curso de Libras ( Linguagem brasileira de sinais ) – Online e gratuito.

Primeiro, precisamos entender que a Libras é uma línguae não uma linguagem. Segundo, la é um idioma oficial do nosso país, com estrutura e regras próprias, e não um monte de gestos que explicam o português. E por último, a Libras é a língua de sinais brasileira, o que significa que não é universal e que sua história é parte da história do Brasil.



 

Conhecendo a origem da Língua Brasileira de Sinais:

A história da nossa língua de sinais se mistura com a história dos surdos no Brasil. Até o século XV os surdos eram mundialmente considerados como impossíveis de se educar. A partir do século XVI, com mudanças nessa visão acontecendo na Europa, essa ideia foi sendo deixada de lado. Teve início a luta pela educação dos surdos, na qual ficou marcada a atuação de um surdo francês, chamado Eduard Huet. Em 1857, Huet veio ao Brasil a convite de D. Pedro II para fundar a primeira escola para surdos do país, chamada na época de Imperial Instituto de Surdos Mudos. Com o passar do tempo, o termo “surdo-mudo” saiu de uso por ser incorreto, mas a escola seguiu forte e funciona até hoje, com o nome de Instituto Nacional de Educação de Surdos – o famoso INES.

Junto com o INES, a Libras foi criada a partir de uma mistura entre a Língua Francesa de Sinais e de gestos já utilizados pelos surdos brasileiros. Ela foi ganhando espaço pouco a pouco, mas sofreu uma grande derrota em 1880. Um congresso sobre surdez em Milão proibiu o uso das línguas de sinais no mundo, acreditando que a leitura labial era a melhor forma de comunicação para os surdos. Isso não fez com que eles parassem de se comunicar por sinais, mas atrasou a difusão da língua no país.

Com a persistência do uso e uma crescente busca por legitimidade da língua de sinais, a Libras voltou a ser aceita. A luta pelo reconhecimento da língua, no entanto, não parou. Em 1993 uma nova batalha começou, com um projeto de lei que buscava regulamentar o idioma no país. Quase dez anos depois, em 2002, a Língua Brasileira de Sinais foi finalmente reconhecida como uma língua oficial do Brasil.

A Instituição Politécnica de Ensino a Distância, WR, constituída sob o CNPJ 26.165.960/0001-03,  associados a Associação Brasileira de Educação a Distância (ABED), são devidamente autorizados, de acordo com a Lei nº 9.394/96 e Decreto Presidencial nº 5.154/04.

Os cursos são de nível básico, livres, destinados ao aprimoramento profissional. Não são considerados cursos de nível superior (graduação, extensão, pós-graduação). Por serem Cursos Livres, não possuem vínculo algum com o MEC.

A carga horária é de 8 a 160 horas e, sendo totalmente On-line, o aluno estuda no conforto de sua casa.

Para a conclusão do curso e receber seu certificado, o aluno deverá realizar à avaliação alcançando a média 6,0 (seis). Além disso, deverá completar a carga horária solicitada.

Metodologia de Ensino:

Este Curso é aplicado totalmente Online, o aluno estudará em casa através de apostilas. Quando sentir se apto, ele fará uma avaliação de Múltipla Escolha contendo 10 questões e para ser aprovado precisará de alcançar média 6,0. Após aprovado, ele poderá solicitar seu Certificado.

Conteúdo programático do curso de Libras:

A história da Língua dos sinais;

Alfabeto em Libras;

Comunicação por Língua de sinais;

Configuração das mãos;

Ponto de articulação;

Movimentos;

Orientações;

Expressões facial e corporal;

A linguagem com crianças.

O material de estudo consiste em:

Básico de libras;

Libras material da avaliação;

Tradutores e intérpretes de língua brasileira de sinais formação e atuação nos espaços educacionais inclusivos;

Dicionário enciclopédico ilustrado trilíngue da língua de sinais brasileira.

Obs.: O certificado de conclusão do curso não é gratuito. Existe apenas uma taxa de R$ 79.90 para a confecção e envio postal do certificado que será enviado através dos Correios.

A Solicitação do Certificado é opcional e não impedirá o aluno de estudar gratuitamente.

Se você se interessou pelo curso de Libras, CLIQUE AQUI e matricule-se já.

Fonte: wreducacional

Curso de confeitaria – Online e gratuito.